terça-feira, 30 de julho de 2013

Vamos ser engolidos por um buraco negro?

Observações levam os cientistas a acreditar que existe mesmo um buraco negro no centro de cada uma das galáxias do Universo, que costumam ser bastante massivos. Há buracos negros em outras regiões das galáxias, só que os centrais têm muito mais massa - alguns são equivalentes a bilhões de estrelas juntas.

E, sim, isso quer dizer que as galáxias serão engolidas pelos seus próprios buracos negros.

Só que o processo é extremamente lento. Mesmo "esfomeados", os buracos negros não saem por aí engolindo estrelas, planetas e tudo o mais que encontram pela frente. Eles ficam "quietos" por muito tempo sem mexer com os objetos próximos que o orbitam - do mesmo jeito que ocorre com os planetas ao redor do Sol. Somente se eles chegarem muito próximos é que serão capturados pelo campo gravitacional.

Continue lendo AQUI

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Mossoró - de Beatriz Bandeira

Mossoró

Por Beatriz Bandeira
Um vento morno
de salitre e fogo
abre flores de sal
nos velhos muros.
Esquálidos meninos macilentos
tangem bandos de cabras esqueléticas
e, sob um sol que queima
e um chão que abrasa,
desenham Portinaris na paisagem.
“Índio é terra que anda”
disse um poeta.
E eu vejo em tua gente,
retorcidas raízes, rijos caules,
e essa força que brota
de entranhas minerais
da terra calcinada, e se prolonga
em duras caminhadas.
Mossoró, Mossoró, predestinada aurora,
pioneira de lutas precursoras
castigada e sofrida sentinela
de históricas vigílias.
Um vento morno
de salitre e fogo
abre flores de sal
nos velhos muros
e lágrimas de dor
choram meus olhos
de saudade e de ausências consumidas.

Beatriz Bandeira – Poetisa

* Do livro “100 Poetas de Mossoró”, Fund. Guimarães Duque, Fundação Vingt-un Rosado, Coleção Mossoroense, 2000, RN

domingo, 7 de julho de 2013

Os 10 mandamentos dos vestibulandos.

Os dez mandamentos
I
Não escolherás uma profissão pensando apenas no mercado de trabalho e no retorno financeiro. O candidato tem de buscar sempre saber o porquê de estar realizando o vestibular e, também, o motivo de estar escolhendo uma determinada carreira. O autoconhecimento é condição fundamental para uma decisão adequada. É preciso escolher algo de que se vá gostar.
II
Honrarás teus pais sendo feliz com tua escolha profissional. O vestibulando deve dialogar com os pais para que eles compreendam e respeitem suas decisões. Uma recomendação é que não haja promessas de ambos os lados (por exemplo, o compromisso de ganhar um carro com a aprovação no concurso é um fator de ansiedade).
III
Amarás o próximo como a ti mesmo, mas, no dia do vestibular, competirás com ele. Ninguém precisa rejeitar os amigos nem adotar um comportamento agressivo, mas é necessário ser competitivo no momento da prova para buscar o melhor desempenho possível.
IV
Respeitarás teus hábitos de alimentação, sono, diversão e descanso. A disciplina de estudos é importante, mas deve haver espaço para o lazer. O tempo de sono, por exemplo, deve ser preservado. O lazer diminui a possibilidade do estresse. Na alimentação, frutas, líquidos e alimentos leves são recomendados. Remédios contra a ansiedade e estimulantes não devem ser tomados por conta própria.
V
Buscarás o apoio incondicional dos teus familiares. Um ambiente tranqüilo é o mais recomendável para o estudo. Todo o grupo familiar deve colaborar com o vestibulando, mas sem cobrar dele o tempo de estudo, por exemplo, para não aumentar a ansiedade.
VI
Não estudarás toda a matéria nos últimos dias antes da prova. O conhecimento exigido no vestibular é construído ao longo do Ensino Médio. O melhor momento para aprender é a explicação em aula, para a qual o aluno deve prestar o máximo de atenção. A prova do vestibular é o término de um processo.
VII
Vestibular é vida. Vida não é vestibular. Respeitarás teu ritmo de estudo e teus limites. A idéia é descobrir o tempo ideal de estudo, em lugar de estudar horas a fio ou sacrificar o sono sem conseguir se concentrar. Uma sugestão é revisar a matéria fazendo resumos dos conteúdos e resolvendo provas de vestibulares passados. É importante também contextualizar as informações de cada matéria, procurando correspondência com as outras disciplinas.
VIII
Conhecerás antecipadamente o local da prova e não esquecerás os documentos no dia. É importante visitar o local de prova para saber como é o trajeto e para conhecer os horários dos meios de transporte disponíveis (ônibus, lotação, táxi, etc). No dia da prova, evite correrias deslocando-se com antecedência para a prova.
IX
Não farás das provas teste de rapidez e ocuparás todo o tempo disponível. O recomendável é ler atentamente os enunciados das questões, para interpretá-las corretamente. Outra dica é garantir o máximo de acertos com as questões consideradas mais fáceis, enfrentando depois as mais complicadas.
X
Nunca desistirás da tua identidade profissional. Persistirás na busca da faculdade que desejas, mesmo se fores reprovado. Se a convicção pela a escolha profissional é firmada no autoconhecimento, o vestibulando deve perseguir sempre seu objetivo, sem esmorecer com eventuais reprovações.

quarta-feira, 3 de julho de 2013

O povo (a causa) produz mudanças (os efeitos) e induz os políticos votarem a seu favor.

Sobre pressão popular (nas ruas, em sites, tvs, jornais etc) o Senado aprova o projeto de lei que prevê 75% dos royalties do petróleo para educação e 25% dos royalties para a saúde (Veja a matéria AQUI ).

É claro que têm alguns políticos que vão tentar evitar todo esse investimento (já que antes, na fala da presidenta em pronunciamento, veja AQUI, ela havia falado em 100% do lucro, e agora caiu para 75%).

Entretanto, a redução para 75% foi para uma boa causa, os outros 25% vão para a saúde. Resta saber se esses investimentos irão, realmente, chegar nas mãos dos verdadeiros destinatários.